terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Inconveniências com propósitos


Naqueles dias César Augusto publicou um decreto ordenando o
recenseamento de todo o império romano. … Assim, José também
foi da cidade de Nazaré da Galiléia para a Judéia, para Belém,
cidade de Davi, porque pertencia à casa e à linhagem de Davi.
Ele foi a fim de alistar-se, com Maria, que lhe estava prometida em
casamento e esperava um filho.
-- Lucas 2:1 and 4-5



PENSAMENTO:

Não é incrível quantas inconveniências nas nossas vidas o

Senhor usa para realizar a sua vontade em nós. Você pode imaginar

uma época pior para ser obrigado a cruzar um país com as formas

de transporte que José e Maria enfrentaram? Mesmo assim, Deus

tornou aquilo no momento em que os anjos descobriram sua melodia, e

Satanás descobriu aquele que era forte o bastante para

enfrentá-lo.



ORAÇÃO:

Pai, eu lhe agradeço que, por trás da história, e

especialmente por trás da parte da história na qual eu vivo, sua

mão está sempre movendo para minha redenção e sua glória.

Dê-me a fé para agüentar os tempos difíceis, sabendo que o

Senhor há de usar aqueles tempos difíceis para ser a incubadora

da sua próxima grande obra em mim. No nome de Jesus, a Alegria dos

anjos, eu oro. Amém.



http://www.iluminalma.com/dph/4/1220.html

terça-feira, 30 de novembro de 2010

Aprendendo A Esperar

Postado por Josiel Dias

"Mas os que esperam no SENHOR renovarão as forças, subirão com asas como águias; correrão, e não se cansarão; caminharão, e não se fatigarão"   (Isaías 40:31).

"A esperança Cristã é a esperança que viu tudo e suportou tudo, sem se desesperar, porque ela crê em Deus. A esperança Cristã não espera no espírito humano, na bondade humana, na resistência humana, na realização humana; a esperança cristã espera no poder de Deus." (William Barclay)


Em que, nós cristãos, estamos esperando? Onde estamos depositando a nossa confiança? Em que temos gasto nosso tempo e determinação? A quem estamos entregando nossos sonhos de vitória e felicidade?


Muitas vezes nos queixamos de má sorte, de derrotas, de frustrações, de insatisfação com a vida, por não conseguirmos atingir as nossas metas e nem chegar a lugar algum em nossas andanças neste mundo. Todos conseguem alcançar seus objetivos e nós sempre ficamos para trás.


Estamos sempre sendo derrotados porque não entendemos que as grandes vitórias vêm do Grande Vencedor, nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Temos nos sentido fracos porque buscamos poder em homens e não no Deus que é Todo Poderoso.


Quando confiamos no Senhor, sabemos esperar a hora certa e a forma correta de receber as bênçãos almejadas. Estamos prontos a suportar as lutas e dificuldades do caminho, compreendendo que lições serão tiradas de todas as experiências vividas e que um edifício sólido e firme estará sendo formado em nós que servirá de morada do Espírito Santo de Deus.


Se a nossa esperança está colocada em amigos, parentes ou pessoas influentes, ela é fraca e incerta. Podemos obter um resultado positivo ou não. Podemos ganhar ou perder. Porém, se está direcionada para o Senhor, trará, com certeza, muita alegria aos nossos corações e será sempre vitoriosa.




Você tem esperado em quem?


Por Paulo Roberto Barbosa

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Como faziam os bereanos

 A difamação de evangélicos no Brasil e no mundo não é nenhuma novidade.Há motivos para tal. Explica-se, mas não se justifica tantos desvarios de homens que se intitulam“pastores”, “bispos”, “apóstolos”,“ungidos”,“profetas”, “semideus”,
“braço direito” (que, a princípio, já está muito bem ocupado, com toda honra e todo mérito por JESUS). 

Os nomes“evangélicos”,“cristãos”,“crentes”, “bíblias” já estão tão desgastados que a imagem que vem à mente quando se ouve estes termos são as mais variadas.

Assim como um homem é honrado pela prática legal e excelente de sua profissão e isso o denomina “Doutor”, “Professor”, “Engenheiro”, “Juiz”, etc., os cristãos, assim como foram chamados pela PRIMEIRA VEZ em Antioquia, receberam este nome por serem IMITADORES de Cristo e, por conseguinte dos apóstolos, que ensinavam os princípios da fé em Deus e em todo o plano de salvação do homem. Isto os denominou “CRISTÃOS”. Não é o nome ou o diploma que habilita a pessoa a ser o que é, e sim a prática sincera e habilidosa que o honra e o classifica.

Meu “pai-drasto” (devido à tamanha afinidade) foi alguém assim. Era formado em Veterinária de alimentos, pela UFFRJ, não tinha doutorado, porém, pelo profundo conhecimento, interesse em tudo que dizia respeito à sua formação e à prática de sua profissão, era como se tivesse.

Num filme veiculado há poucos dias na televisão, que foi originado de uma série de TV, havia um “pastor” com “mestrado em falcatruas” e uma “evangélica” crédula e ingênua que cria em tudo que ele dizia e planejava. Se a intenção era zombar dos “evangélicos”, o tiro saiu pela culatra. Na verdade é um alerta sobre os falsos pastores e sobre a credulidade cega em homens que não tem escrúpulos e aproveitam-se de pessoas que buscam a Deus, deparam com estes lobos famintos no caminho e, por falta de instrução na Palavra, por preguiça de buscar, são facilmente engodadas e presas em suas artimanhas.

São as pessoas que querem tudo fácil, tanto o “pastor – falsário” quanto a “crente-amém-pra-tudo”. Querem tudo mastigado e sem sacrifício, pensando assim estar enganando ou agradando a Deus.“Meu povo peca por não conhecer as escrituras” dito por Deus, e mais tarde foi dito por Jesus em Mateus 22.29: “Errais, não compreendendo as Escrituras nem o poder de Deus”.

A Bíblia é um conjunto de livros escritos por homens inspirados pelo Espírito Santo, homens que relatavam os acontecimentos da época e eram guiados pelo Espírito Santo, trabalhando assim, em conjunto, em épocas distintas, criando uma coerência nunca antes vista em outros escritos. Quem quiser entrar mais aprofundadamente neste assunto pode acessar alguns sites existentes:




A Bíblia não esconde nada e nem acoberta o erro. Ela expõe nua e cruamente os desatinos dos seres humanos, suas dívidas e angústias, seus arrependimentos e acertos. A verdade contida nas Escrituras é imutável, passe os céus e a terra, mas a Palavra de Deus permanece, queira o homem ou não, aceite ou não e isso é constatado pelas profecias cumpridas, pelas que ainda estão por se cumprir e, principalmente, a mais importante da história da humanidade, o nascimento, morte e ressurreição de Cristo, revelado muitos séculos antes de acontecer.

“Passará o céu e a terra, porém as minhas palavras não passarão.” Mateus 24.35

Os que cometem tais atrocidades com a Palavra o estão fazendo para sua própria condenação e não ficarão impunes. Não nos cabe julgá-los, eles já estão em julgamento pelo próprio dono da Palavra. Compete a nós buscarmos a verdade, que não está longe lá no céu e sim bem próxima de nós. “E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará! (João 8.32)

Este filme na verdade mostra tão somente o que de fato acontece nos dias atuais: muitos lobos se passando por ovelhas e isso já estava escrito há séculos. Na verdade é um alerta para os incautos, que acreditam em tudo que os homens dizem. Um simples conselho:

Observem o que está escrito, se está de acordo com o que é ensinado, como faziam os crentes em Beréia. Peça ajuda a Deus para abrir seu entendimento e leia com vontade de entender. A Palavra de Deus deve ser levada a sério, mesmo quando brincamos, mesmo quando estamos em lazer, mesmo quando estamos em meio a amigos e parentes. Ela é lâmpada para os nossos pés e luz para o nosso caminho. Em dias trevosos, onde encontraremos tamanha luz?

Na paz do Cordeiro!

PORQUE A PALAVRA DE DEUS É VIVA E, EFICAZ, E MAIS PENETRANTE DO QUE QUALQUER ESPADA DE DOIS GUMES, E PENETRA ATÉ À DIVISÃO DA ALMA, E DO ESPÍRITO, E DAS JUNTAS E MEDULAS, E É APTA PARA DISCERNIR OS PENSAMENTOS E INTENÇÕES DO CORAÇÃO.
Hebreus 4. 12

terça-feira, 23 de novembro de 2010

A Maravilhosa Graça e a Festa de Babette

Marco Alcantara


Na desolada costa da Dinamarca vivem Martina e Philippa, as belas filhas de um devoto pastor protestante que prega a salvação através da renúncia. As irmãs sacrificam suas paixões da juventude em nome da fé e das obrigações, e mesmo muitos anos depois da morte do pai, elas mantêm vivos seus ensinamentos entre os habitantes da cidade. Babette refugia-se da guerra que assombra a França, na casa das recatadas solteironas Martina e Philippa filhas do então falecido pastor e mentor do lugarejo.

Aos poucos, seus dotes culinários invadem a alimentação insípida que se caracteriza na rotina dos habitantes, até que um fato inesperado lhe propicia oferecer um jantar, que sutilmente vai conquistando o paladar dos convidados.

A Festa de Babette é o desabrochar da alma, na descoberta do prazer sem culpa. Sua festa, é claro, escandaliza os mais velhos do lugar. Quem é esta surpreendentemente talentosa Babette, que tem apavorado os moradores desta devota cidade com a perspectiva deles perderem suas almas por deleitarem-se com prazeres terrenos?

Babette estava em um lugar onde se via pecado em tudo onde a graça se tornou desgraça pelo fato de não haver mais gosto pela vida.

A vida naquele lugar agora era só uma pena, um martírio passageiro para um plano maior; o céu. Os rostos eram rígidos as passadas pesadas, rancor entre pessoas e brigas que não eram declaradas e assim também não eram perdoadas. Por que a ofensa que não foi revelada também não pode ser perdoada.

Mas Babette, que quando criava seus pratos fora comparada a uma bruxa, e realmente fez algo inusitado, trouxe o melhor vinho transformando rostos enrugados em rostos sorridentes, no jantar também havia sopa de tartaruga que trouxe calor e paixão a todos da mesa.

Nesse instante pessoas se regalavam e pedidos de desculpa foram feitos o auge da festa foi a alegria de poder saborear a vida.

Uma vida saborosa que agora seria degustada sem traumas, pressões ou neuras. Os prazeres simples da vida não iriam mais ser negados, o prazer de comer bem de beber bem na companhia de seus melhores amigos. Não haveria mais a burocracia do perdão e muito menos a inércia do amor, por que todos compartilhavam do mesmo momento de prazer.

Prazer que não pode ser deixado de lado como o prazer de estar e beber entre amigos, comer e contar a sua vida de forma simples e compartilhar da sua vida em detalhes de forma aberta na clareza da informalidade.

Assim Babette mostra que a graça esta nas pequenas coisas, que a graça não é monopólio de um culto, uma religião ou somente um grupo de pessoas destinadas a viver com graça.

A graça acontece em uma mesa de jantar entre pessoas que só querem ser pessoas e não autômatos programados para negar o dom da vida.

A graça é encontra na piada da mesa de jantar, também se encontra graça no pão da mesa em cada dia que não falta, encontra-se graça no abraço do amigo, encontra-se graça agora aqui e em todo lugar pode-se encontrar graça.

A graça não pode ser domada e podemos entender que ter graça não significa de fato ser mais amado por Deus.

"Afinal não há nada no mundo que possamos fazer para que Deus nos ame mais e também não há nada que se faça na vida para que Deus nos ame menos."

Havia graça no jantar de uma mulher que não foi desgraçada pelas normas e apelos em não agraciar-se com a vida.



Em Lion de Zion e Genizah

Leia Mais em: http://www.genizahvirtual.com/2010/11/maravilhosa-graca-e-festa-de-babette.html#ixzz1662RdEGv

Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial Share Alike

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Apresentando o amigo


Muitas vezes ficamos tão empolgados com a mensagem do Evangelho que queremos apresentá-la de qualquer maneira às pessoas. Na verdade o Evangelho deve ser mais do que uma empolgação, são as “boas novas” do reino de Deus na vida das pessoas. Deus sempre se importou com as pessoas individualmente e em grupos. Nossa relação com Ele deve ser íntima e pessoal, que só se dará se em primeiro lugar formos apresentados a Ele e a seu projeto vitorioso de amor pela humanidade.


Quando conhecemos uma pessoa bacana, queremos apresentá-la aos nossos amigos mais chegados, à nossa família, enfim, queremos que este amigo também faça parte dos encontros que temos com os outros, queremos agregá-lo ao nosso convívio, queremos aos poucos conhecer mais sobre sua vida, seus costumes, seus métodos. Não é diferente quando conhecemos a Jesus, que é muito mais do que bacana, é o filho de Deus, que se fez carne e habitou entre nós, que teve uma trajetória de vida terrena das mais interessantes, uma personalidade que abalou todos os paradigmas da época em que estava inserido e que, até hoje, por estar vivo, abala as estruturas mais intrínsecas do ser humano. Para entender o plano divino, é preciso primeiro conhecer a Cristo, quem foi, quem é e o que será para nós.


Existem acontecimentos na história de sua vida e de todo o plano infalível de Deus que precisamos crer pela fé, ver com os “olhos da fé”. Não uma fé cega e submissa a homens, nem uma fé contemplativa, mas uma fé firmada nas sagradas escrituras, uma fé que se dispõe a buscar respostas na Palavra e que crê no impossível, porque Deus é Deus do impossível. Não do impossível do desejo desenfreado por coisas e pessoas que não seriam bons para nós, até nisso a fé se baseia: na vontade de Deus, que é boa, perfeita e agradável. Nem tudo que pedimos é possível para nós, nada é impossível a Deus, porém Ele sabe o que é melhor e se cremos, pela fé, que Ele sabe disso e deseja isso, confiamos em Sua vontade e não nos perturbamos com aquilo que não é possível para nossa vida, para nosso caráter.


O amigo apresentado, aos poucos, toma um vulto maior dentro da vida dos nossos amigos, assim Deus deseja tomar um espaço maior na vida de cada um que quiser conhecê-Lo e quiser entender o que representa todo o plano de salvação.


Jesus disse: “Ninguém tem maior amor do que este, de dar a vida pelos seus amigos.” João 15.13


Adriana Mattoso

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Fazer parte da igreja hoje

Comecemos pelo começo: Jesus Cristo não organizou nenhuma igreja. Não fundou a Igreja Católica Romana, nem a Ortodoxa, nem a Luterana, nem a Anglicana ou qualquer outra denominação que delas tenha se originado, como batistas, presbiterianos ou metodistas. O Senhor Jesus, em seus ensinos registrados nos quatro Evangelhos, formulou tão só um conceito de igreja.

Aquelas comunidades de fé que se aproximam desse conceito formulado pelo Senhor, são capazes de refletir os princípios e valores do Reino de Deus e podem ser chamadas, por isso mesmo, de igrejas de Jesus.

Aquelas, porém, que desse conceito se afastam, não passam de meras organizações religiosas, não são mais do que instituições eclesiásticas, associações de manipulação da fé, amontoamentos de fanáticos, ajuntamento de falsa piedade, conglomerados de experiências com a transcendência, clubes de sociabilidade filantrópica, palcos de exibição de milagres, currais de sustentação política, feudos legalistas, casulos do tradicionalismo e coisas semelhantes.

Nenhuma igreja possui o monopólio da verdade. Todas elas, sem exceção, têm virtudes e falhas. Mas o desafio de uma igreja é, justamente, acumular mais virtudes do que falhas. E quanto mais uma igreja estiver próxima do conceito proposto pelo Senhor Jesus, mais virtudes conseguirá mostrar à sociedade em que está inserida.

Para conhecer melhor o propósito de Deus para a igreja só há um caminho a ser percorrido: o do conhecimento das Escrituras, onde os objetivos divinos estão registrados.

Desse modo, convém buscar uma igreja que valorize, respeite e interprete corretamente a Palavra de Deus, se de fato queremos fazer parte de uma igreja que respeita a os princípios ordenados por Jesus Cristo para a vida.

Igrejas em que a Bíblia tornou-se apenas objeto de decoração sobre um púlpito vazio do poder do Espírito, congregações onde pastores usam a pregação com o intento único da autopromoção e do culto à personalidade, comunidades nas quais os crentes buscam o simples extravasamento emocional, através de cânticos repletos de animação e orações de um ardor quase histérico, sem o autêntico desejo de colocar em prática os ensinamentos da Palavra pregada, constituem-se somente numa caricatura de igreja, carregam consigo o rótulo de igreja, mas há muito deixaram de ser o verdadeiro Corpo de Cristo.

A proclamação, a adoração, o discipulado, o serviço e a comunhão de uma igreja dependem, de maneira fundamental,da influência das Escrituras sobre a experiência, a vida e o testemunho dos congregados. O lugar que a Palavra de Deus ocupa na comunidade de fé define a qualidade doutrinária, moral e espiritual dos crentes.

Estamos assistindo o desprestígio gradativo e consistente dos evangélicos no Brasil. Já não é fácil identificar-se como evangélico porque as pessoas longo vinculam a denominação aos pregadores desvairados e aos manipuladores inescrupulosos que aparecem na mídia. Igrejas evangélicas são vistas, em nossos dias, como antros de fanatismo e ignorância. E somos obrigados a concordar que esses evangélicos expostos nas rádios e nos canais de televisão nada têm a ver com o Evangelho.

Não é fácil fazer parte da igreja hoje. Porque não é fácil encontrar joelhos que ainda não se dobraram a Baal. Ou a Mamom.

Mas eles existem. Permanecem fiéis. E um dia vão se juntar a eles vários outros que, decepcionados com essas igrejas de fachada, desejarem retornar ao propósito inicial de Jesus Cristo para o seu povo.

(Carlos Novaes)
Retirado do Blog http://carlosnovaes.blogspot.com/

Apaixonado por livros


A importância da literatura para a vida cristã

Eu sou uma leitora totalmente apaixonada por livros desde a mais tenra infância. Desde que me entendo por gente, lá pelos 4 ou 5 anos, iniciei esta aventura através de livros infantis, enciclopédias e gibis que minha mãe comprava para mim e isto criou raízes em mim. Tenho até hoje este hábito, 34 anos depois e o estou passando para minhas filhas. A leitura faz parte da minha vida como o alimento e, pela experiência, posso garantir que se escolhermos bem, absorveremos muita coisa boa, no entanto, se escolhermos mal, infelizmente muita coisa ruim também poderá nos influenciar.

Não tive uma infância voltada para a vida religiosa e tinha uma tosca noção de quem era Jesus, embora minha avó, com quem passava a maior parte do tempo, me falasse de Deus e me ensinasse os princípios básicos do temor a Ele. Ao chegar à adolescência, lia muitos livros que falavam de paixões arrebatadoras, altamente proibidas e totalmente possíveis, na cabeça de uma adolescente. E sei o quanto isto me fez mal. Ao me converter, quando caíram as escamas e comecei a entender de fato como a vida funcionava, vi o quanto fui influenciada mesmo por leituras que nada tinham a ver com os princípios do Evangelho.



Atualmente leio dois a três livros ao mesmo tempo, com temas voltados para a família, tais como educação de filhos, relacionamento conjugal e tenho bastante cuidado ao comprar livros seculares. É de suma importância o conteúdo para o cristão, pois como a Bíblia nos adverte, devemos ter cuidado com o que colocamos diante de nossos olhos. Isto vale para filmes, programas de televisão, locais freqüentados, internet e especialmente livros lidos.


A princípio o cristão tem uma enorme necessidade de ler, porque precisa conhecer a verdade que está estabelecida no Evangelho e os 66 livros da Bíblia existem para ser lidos, meditados, consultados em momentos de alegria e tristeza, dúvidas e aprendizado. Atualmente existe Bíblia interativa, que pode ser acessada pela internet, existe Bíblia gravada na voz de nomes famosos da mídia, mas ainda acho que o mais acessível é o que está a mão a qualquer tempo, faça chuva ou faça sol, internet caia ou não, esteja no ônibus ou no trem, a qualquer momento pode-se lançar mão do livro dos livros e descobrir a cada dia como o Senhor é bom.

Da mesma forma com os ótimos livros de autores cristãos que tem como base a Palavra de Deus para escrever suas obras. Na verdade acho de suma importância que autores comprometidos com o Reino de Deus usem seu talento, para ajudar aos leigos a entender melhor o contexto das passagens bíblicas, que podem ser usadas para qualquer ocasião da vida, pois a Bíblia tem resposta para tudo.

Desta feita, todo cristão que quiser crescer precisa ler. Ler a Bíblia, aplicar seus princípios em sua vida e ler boa literatura, que edifique sua alma e pavimente sua estrada da vida, que acrescente sabedoria ao seu viver e ajude ao próximo a fazer o mesmo.

Blogosfera apaixonada


Promoção Blogosfera Apaixonada


A Livraria Casa da Bíblia Online iniciou no dia 8 de novembro de 2010 uma grande promoção aberta a toda blogosfera que é apaixonada por livros e sabe da importância deles em nossa vida cristã.
A promoção vai até o dia 30 de novembro de 2010 e vai premiar os três melhores posts sobre o tema: “A importância da leitura para a vida cristã”. O primeiro colocado vai ganhar um vale-compra em Bíblias e livros no valor de R$ 300,00, o segundo no valor de R$ 150,00 e o terceiro no valor de R$ 100,00.

Além de premiar os melhores posts sobre o tema, a Livraria Casa da Bíblia Online estará realizando sorteios de livros durante todo o período da promoção aos inscritos, promoções no twitter, descontos de até 80% em produtos e sorteios de brindes aos consumidores.
Todas as informações da campanha estão no site http://www.maiscb.com.br/. Acesse e faça já sua inscrição se você é um apaixonado por livro.

Pureza do alimento



Indo os discípulos para o outro lado do mar, esqueceram-se de
levar pão. Disse-lhes Jesus: “Estejam atentos e tenham cuidado
com o fermento dos fariseus e dos saduceus”. E eles discutiam
entre si, dizendo: “É porque não trouxemos pão”.
            Mateus 16:5-7


Mais uma vez os discípulos se preocupam com o que não têm
(pão), e perdem de vista Quem eles têm – Jesus. Não é que os
discípulos são um retrato fiel da maioria de nós? Andando com
Deus em forma humana, eles nunca deixaram de pensar na sua próxima
refeição. E mais, pensaram que Deus estava pensando na próxima
refeição! Jesus, na verdade, pensava no último encontro com os
líderes religiosos. Fermento é uma figura muito apta para
qualquer coisa que, em pequenas doses, altera tudo com o qual entra
em contato. O alerta de Jesus vale para nós ainda hoje. O ensino
sedutor de legalistas, daqueles que querem impor opiniões,
costumes e tradições humanas, parece inofensivo. Alguns até usam
com muita habilidade a Bíblia para "provar" que suas opiniões
devem prevalecer.

Este tipo de ensino geralmente vem em pequenas
doses. Não percebemos que algumas idéias, no início afetando
sutilmente certos valores, com o passar do tempo acabam estragando
os fundamentos do Reino. É assim que fermento age. Começamos com
a Palavra de Deus, e acabamos com doutrinas de homens. Paulo usou a
mesma figura para os legalistas dos dias dele (Gal 5:9). Este
perigo existe até hoje. Qual a solução? "Esteja atento." Preste
atenção. Faça perguntas. Sobretudo, compare tudo o que você
está ouvindo e aprendendo com a Palavra de Deus. Assim você pode
preservar em sua vida a pureza do alimento que leva à vida eterna.

ORAÇÃO:

Nosso Senhor, conceda-nos discernimento para não sermos levados
também pelo fermento de idéias humanas. Ajude-nos a nos
concentrar e nos contentar com a pessoa de Jesus. Só ele é o pão
da Vida. Ele é suficiente para nós. Em nome dEle oramos e
agradecemos. Amém.

 [*** Muito obrigado pelo seu apoio ao site. Deus lhe abençoe.]

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Mais sinais???


“Uma geração perversa e adúltera pede um sinal miraculoso,
mas nenhum sinal lhe será dado, a não ser o sinal de Jonas”.
Então Jesus os deixou e retirou-se.
 Mateus 16:4

Você já sentiu a pressão de amigos, colegas ou parentes para
produzir algum sinal? Às vezes essas pessoas questionam nossa fé,
ou dizem que a igreja engana ou só quer dinheiro e por aí vai.
Será? Ou será que Jesus já provou seu amor, seu poder e sua
autoridade? Considere todos os milagres e sinais registrados no
Antigo e no Novo Testamentos. Lembre-se de dois mil anos de
história da igreja e do testemunho de gerações de Cristãos em
cujas vidas Deus tem feito maravilhas. Ainda assim, muitos não
crêem. O que mais Jesus precisa fazer? Às vezes, como Jesus, a
melhor coisa que podemos fazer é deixar estas pessoas e continuar
nossa busca por pessoas que realmente têm olhos para ver e ouvidos
para ouvir. Podemos e devemos orar por aqueles que, mesmo com toda
a evidência que Jesus deixou, ainda não crêem. Entretanto,
haverão pessoas que nunca vamos persuadir.



Se o “sinal de Jonas”, a morte, enterro e ressurreição de Jesus não
convencem, nada mais vai ajudar. Oramos por essas pessoas e
continuamos a buscar outras que vão crer. Nunca deixe de
procurá-las. Pode ser que uma delas está esperando um pouco mais
adiante. Peça a Jesus, que ele lhe guiará para ela.

ORAÇÃO:
Pai benigno, tenha paciência conosco e com os nossos amigos e
colegas. Como o Senhor nos agüentou em nossa ignorância, tenha
paciência ainda com eles. Talvez eles virão a crer ainda. De
qualquer forma, agradecemos a fé que o Senhor nos deu e o maior
sinal de todos os tempos – a vida e o sacrifício de seu filho
Jesus. Use-nos para ajudar outros a conhecerem-No. Em nome de Jesus
oramos e agradecemos. Amém. [*** Por favor, ajude-nos na
divulgação das Escrituras. Seu apoio ao site por meio de visitas
aos anunciantes faz muita diferença! Muito obrigado, e que Deus
lhe retribua!]
http://www.hermeneutica.com/jd/1/1116.html

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Coração limpo


“Pois do coração saem os maus pensamentos, os homicídios,
os adultérios, as imoralidades sexuais, os roubos, os falsos
testemunhos e as calúnias. Essas coisas tornam o homem
‘impuro’; mas o comer sem lavar as mãos não o torna
‘impuro’.”
 Mateus 15:19-20



PENSAMENTO:
A fonte de toda impureza e de tudo que separa o homem de Deus é
o coração. É por isso que Jesus declara que o pensamento
equivale ao ato (Mt 5:22 e 28). Embora o ato talvez nunca seja
consumado, o pensamento, a intenção ou o desejo já revelam a
contaminação dentro do homem. Como precisamos cuidar dos nossos
corações! Não é que as palavras ou ações não importam. Mas
às vezes somos tão cuidadosos em prestar atenção àquilo que os
outros vêem, que deixamos de perceber o quanto a amargura, o
ódio, a inveja ou a cobiça reinam dentro de nós.

A transformação precisa chegar aos atos externos. Mas, para
realmente haver mudança, tem que começar no coração. Tem alguma
impureza dentro de você que você ainda não permitiu o Senhor
tirar? Ela não irá embora até que você a entregue ao Senhor.
Qualquer canto assombrado no seu coração, por menor que seja,
será usado como base do inimigo para levar você à destruição.
Entregue tudo ao Senhor. Hoje. E não olhe para trás.

ORAÇÃO:
Pai Santo, somente o Senhor pode nos mudar. Mas, o Senhor pode!
Rogamos ao Senhor que nos ajude a purificar os nosso corações e
limpar os nossos pensamentos, para que possamos não só viver na
sua presença, mas conduzir outros também à presença de Jesus, a
fim de que vivam nEle para sempre. Em nome do Rei oramos e
agradecemos. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/1110.html

Sede de vida



Por mais que se viva, nunca é o bastante,
por mais que se chore, nunca será a última vez - que seja mais de alegria
do que de tristeza então - por mais que se sorria,
sempre desejamos mais motivos para sorrir.

O fôlego eterno de vida está em nós, nunca aceitaremos a morte
como algo natural; nos conformamos por não haver outra maneira
de continuar vivendo sem as pessoas que amamos ao nosso redor.

"Ainda um pouco mais", "ainda é cedo", sempre queremos mais
Por isso vale aquela máxima, "quanto mais perto de morrer, mais se tem
vontade de viver".

Na verdade , o grande segredo do viver é a cada dia viver como se fosse
 o último, não em suas extremidades, mas em seu meio, inseridos no tempo
 e no espaço que nos foram dados.

Não quero subir à infinita via láctea e nem descer ao profundo dos oceanos. Quero
viver o dia de hoje com a serenidade e a urgência de fazer o bem a quem dele precisar.

Só assim terei certeza que não foi em vão o quanto já vivi e nem o será por quanto tempo ainda viverei.


"O segredo do viver, o segredo do morrer é em Cristo confiar, pois jamais irá falhar."

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Desafio



              Quando Jesus saiu do barco e viu tão grande multidão, teve
              compaixão deles e curou os seus doentes. Ao cair da tarde, os
              discípulos aproximaram-se dele e disseram: “Este é um lugar
             deserto, e já está ficando tarde. Manda embora a multidão para
             que possam ir aos povoados comprar comida”. Respondeu Jesus:
            “Eles não precisam ir. Dêem-lhes vocês algo para comer”.
                                                                                        Mateus 14:14-16


Os discípulos tinham toda razão. Eles não tinham como
alimentar uma multidão. E era justamente isso que Jesus queria que
eles enxergassem. Só assim é que poderiam ver e sentir
pessoalmente o quanto precisavam do Senhor.

Às vezes nós somos tão práticos em nossas soluções e Jesus tão
inconveniente. Amar e orar por um inimigo não faz sentido. Não é a
solução que eu procuraria. Voltar a face para quem lhe ferir não é uma
reação lógica. Seria sua solução? E quando Jesus nos ordena a
fazer isso pensamos - como é que eu vou cumprir essa palavra? Se
você pudesse, você não precisaria de Jesus!

Tente pensar agora em algo difícil ou até impossível para o qual Deus
 está lhe chamando. Quando você identificar seu desafio peça para
 Jesus lhe mostrar como deixá-lo nãs mãos dEle. Isso não significa
esquecer ou ignorar o desafio. Significa apenas confiar no Senhor.
A resposta de Jesus pode ser de curar a enfermidade, ou deixá-la
continuar. Pode ser de tirar da sua vida aquela pessoa que lhe
perturba, ou deixá-la ficar. Pode ser de remover aquele espinho na
sua carne, ou de deixá-lo lhe incomodar.

Seja qual for a respostade Jesus, se seu desafio lhe levar a continuar
olhando para ele, um dia você verá que o que você mais precisava não
 era o milagre que você pediu. O milagre você já tinha. Era Jesus. E você
tinha ele porque nenhum outro seria suficiente. Só assim é que
alguns de nós finalmente descobrimos o quanto precisamos de Jesus.
Isso sim, é um milagre.

ORAÇÃO:
Meu Rei e meu Senhor, dou-lhe graças porque é o Senhor que
manda aqui e não eu. O Senhor sabe em cada momento da minha vida
exatamente o que eu preciso experimentar ou enfrentar. Sei que com
cada experiência estou chegando cada vez mais próximo de Jesus.
É só para lá que quero ir. Conceda-me a confiança que preciso
de que Ele está fazendo o que é melhor para mim. Em nome do
Cristo eu oro e agradeço. Amém.
http://www.hermeneutica.com/jd/1/1029.html

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Vocês entendem?


"Então perguntou Jesus: “Vocês entenderam todas essas coisas?”
“Sim”, responderam eles.
 Mateus 13:51

A palavra traduzida como “compreender” ou “entender” é um termo
chave neste capítulo. Em vv. 13-15 é o que separa os discípulos do
povo que ouve, mas que não pratica. É o que separa as pessoas
representadas pelo primeiro e o último solo (vv. 19 e 23).

Ambas escutam, mas apenas uma entende. Agora Jesus precisa saber – vocês
entenderam? É bom saber explicar vários ensinamentos, ou ter o
conhecimento das línguas originais para fazer uma exegese exemplar.
Pode ser útil saber defender certas posições doutrinárias com
vigor. Há pessoas que conseguem fazer estas coisas, mas pelo seu
comportamento e atitudes revelam que não compreendem o que Jesus
ensinou sobre o caráter do Reino.


Entender Jesus exige nosso esforço, pois as nossas mentes não se inclinam
naturalmente à orientação do Espírito. Por isso é necessário algo mais.
Precisamos rogar a Deus para que Ele nos dê a compreensão que precisamos.
Quando você abrir sua Bíblia, peça a Deus uma mente aberta para
aprender. Quando você escutar uma pregação ou aula, ou ler um
estudo, ore a Deus para compreender o que Ele está querendo lhe
dizer.
Deus dará sabedoria a quem pedir (Tiago 1:5). Mas, não se
esqueça de pedir.

ORAÇÃO:
Santo Deus, a minha mente precisa tanto da ajuda do Senhor. Peço
que o Senhor me conceda a orientação que preciso para compreender e
viver o que o Senhor está me ensinando. Que a Palavra do Senhor
possa se tornar viva em mim para a honra e glória de Jesus. Em seu
nome eu oro e agradeço. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/1026.html

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Você é trigo ou joio?

“Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim também acontecerá no fim desta era. O Filho do homem enviará os seus anjos, e eles tirarão do seu Reino tudo o que faz tropeçar e todos os que praticam o mal. Eles os lançarão na fornalha ardente, onde haverá choro e ranger de dentes. Então os justos brilharão como o sol no Reino de seu Pai. Aquele que tem ouvidos, ouça.”-- Mateus 13:40-43

Esta parábola não é sobre uma igreja cheia de falsos Cristãos, e sim, sobre os discípulos, os “filhos do Reino”, tendo que conviver com os “filhos do Maligno”. A maioria dos Cristãos têm uma vida no mundo, em convívio com pessoas que não querem nada com Deus. Deus está ciente dos riscos que seus filhos correm, e ele quer que nós saibamos que ele está em controle da situação. O inimigo semeia, mas, quem determina o fim das coisas é Deus. O Diabo atua, mas sua atuação é limitada por Jesus. Satanás quer nos assustar. Ele quer nos amedrontar. Ele quer abalar nossa fé em Deus e nossa confiança em Jesus. Ele quer nos provocar ao pecado. Justamente por causa disso, Jesus nos prometeu que haverá um ajuste de contas. Justiça será feita e quem a fará será Deus. Tem algo lhe deixando inconformado, incomodado ou até abalando a sua fé? Isso não deve lhe surpreender. Jesus avisou que teríamos que conviver com o joio. Mas, tudo isso tem data e hora marcada para terminar. Se você confiar em seu Rei, e esperar nEle, ele lhe dará a força para permanecer fiel até aquele dia. Jesus promete que um dia vamos brilhar “como o sol”, não só por estarmos na presença de nosso Pai Celestial, mas porque não haverá mais maldade. Que possamos confiar em Jesus que este dia vai chegar e que, quando chegar, durará pela eternidade.

 ORAÇÃO: Senhor, todo poderoso, peço que me perdoe quando deixo a maldade desse mundo me levar a duvidar do seu poder, da sua grandeza e do seu cuidado por mim. Peço ao Senhor que proteja os pequeninos ao meu redor, cuja fé ainda é nascente, dos tropeços e dos efeitos da maldade. Fortaleça-os em Cristo Jesus para que possam permanecer nEle até o fim. Em nome de Jesus eu oro. Amém.


 http://www.hermeneutica.com/jd  O devocional diário "Jesus disse" é Copyright © 2006-2010 de Dennis Downing. Todos os direitos reservados. "Jesus disse" é um devocional diário, com uma passagem das palavras de Jesus, uma meditação e uma oração para ajudar a focalizar as nossas mentes em Jesus a cada dia. O autor é Dennis Downing e vem do site http://www.hermeneutica.com/.
Visite o site para conhecer cada vez melhor a Palavra de Deus.

COMO É QUE EU ASSINO?É GRATIS! Para assinar, envie um correio eletrônico para: jesusdisse-sub@maillists.heartlight.org

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Como Davi e Golias



Em época de campanha eleitoral, uma pergunta não quer calar: nossas convicções cristãs não interferem na nossa conscientização política? Um exemplo clássico na Bíblia é a vida de Davi. Um jovem que tinha seu caráter moldado segundo os princípios de Deus, humilde pastor de ovelhas que se tornou um grande líder político. Caiu em erro de ordem pessoal porém, após ser confrontado pelo profeta Natã, arrependeu-se amargamente e pagou a consequência de seus pecados, e o próprio Deus o intitulou  de "um homem segundo o coração de Deus".

Precisamos ter a consciência que nossos princípios são inegociáveis. Não dá pra hoje ser contra o aborto e amanhã aceitá-lo como uma saída para situação "x" ou "y". Não dá para ficar calado diante dos pecados iminentes de quase toda uma nação. A nossa repulsa deve ser contra o pecado, sempre. Nunca contra o pecador. É, é bem difícil fazer essa dissecação, porém é necessário.

Ao darmos nosso voto de confiança para alguém, precisamos ao menos conhecer o que aquela pessoa é capaz e, principalmente, o que não é capaz de fazer. Se tem ética o suficiente para estar naquela posição e tomando aquelas decisões por nós. Aqui não cabe um apelo religioso para o candidato e sim um apelo à questões tais como: caráter, história na vida pública, atos praticados, decisões tomadas e palavras ditas.

Há muito o povo cristão evangélico deixou de receber aquela pecha de "povo humilde", "cafonas", "estúpidos", "pouco instruídos". Muito pelo contrário, o povo de Deus é o povo mais inteligente da Terra! Estou falando de um  povo que ora, que busca a face do Deus vivo, que luta aqui para conseguir seu espaço, que respeita seu líder, que não difama com seus lábios, que não compactua com a mentira, que não se alegra com a injustiça, que não vive hipocritamente, julgando a tudo e todos e vivendo da mesma forma ou pior. Estou falando de um povo que tem compromisso com o Deus Criador dos céus e da terra, que o coloca acima dos seus próprios caprichos, que o teme com profunda reverência e não da boca pra fora, como se Ele compactuasse com tudo de errado que fazemos, como se Ele fosse o último a saber o que temos feito...

Este povo é o mais inteligente da Terra, não dobra seus joelhos diante de baals e baalinsss da vida!Qual é o gigante que precisamos enfrentar agora? Permitiremos que "gigantes incircuncisos" afrontem ao Deus vivo? A nossa arma não é uma funda, uma lança ou qualquer arma mortal. Nossa maior arma é a ORAÇÃO e através dela Deus nos dará discernimento e sabedoria para escolhermos o melhor.

É muito bom ter um Deus que tem um alto padrão, que conhece nossas fraquezas, mas sobretudo sabe recompensar aqueles que não se deixam dobrar por suas fraquezas mas buscam sua face, sua força e sua misericórdia para não fazer o que é errado e abominável a Ele.

Cristão, lavado e remido no sangue de Cristo é cristão em qualquer lugar. Até nas urnas.

Reflita. Conheça a política do seu país, da nação que te abriga. Vote com sabedoria. Peça-a  a Deus.

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Será que precisamos de mais provas?



Então alguns dos fariseus e mestres da lei lhe disseram:
“Mestre, queremos ver um sinal miraculoso feito por ti”. Ele
respondeu: “Uma geração perversa e adúltera pede um sinal
miraculoso! Mas nenhum sinal lhe será dado, exceto o sinal do
profeta Jonas. Pois assim como Jonas esteve três dias e três noites
no ventre de um grande peixe, assim o Filho do homem ficará três
dias e três noites no coração da terra”.
-- Mateus 12:38-40


Ainda hoje há muitos com a mentalidade dos fariseus. Pedem todo
tipo de sinal. Só querem saber se uma igreja opera esse milagre ou
aquela cura. Só querem acreditar em Deus se puderem vê-Lo no
extraordinário. E não faltam "igrejas" que se apressam para
produzir as "provas". Dia após dia, é uma peregrinação interminável
de gente curada de dor de cabeça, mal estar, fadiga e libertação de
encostos e assombrações. Sinal é o que não falta nestas igrejas. No
entanto, há de se perguntar, como é que se enchem tantos galpões e
auditórios suntuosos, e "convertem-se" tantos crentes, mas, crescem
tanto nas ruas e nos lares a avareza, a maldade, a violência e a
corrupção? O povo que só acredita em Deus se Ele der provas por via
de milagres e curas é uma geração, nas palavras do Mestre,
"perversa e adúltera".

É uma geração que pensa que pode manipular
Deus e fazer dele seu servo. Deus cura sim. Jesus prometeu alívio
para os sobrecarregados e ele dá. Mas, o maior milagre já foi dado
no Calvário. Precisamos valorizar este, o mais caro e mais valioso
dom de Deus. Se você tiver dúvidas ou na busca de resposta para um
coração sincero, Jesus irá lhe responder. Porém, o verdadeiro Deus
já se revelou em milagres e sinais o bastante para convencer
qualquer um que esteja sinceramente o procurando.

 Jesus nos chamou a olhar para o maior de todos os sinais - sua morte e ressurreição.
Será que temos realmente considerado a grandeza deste sinal e seu
significado para nós? Numa época em que tanto se divulga a
"doutrina" da reencarnação, é apropriado lembrar estas palavras de
Jesus. O sinal supremo dele foi e será até o fim - a ressurreição.
Acredite se quiser. Senão, espere para ver...

ORAÇÃO:
Pai, todo poderoso, quero agradecer-lhe por cada por do sol,
cada sorriso da minha esposa e cada momento em comunhão com a
Igreja do Senhor. Estes sinais e tantos outros são provas
suficientes do seu grande amor por mim. Agradeço-Lhe pela fé que o
Senhor me deu em Jesus e pelos milagres que a cada dia descubro no
meu Salvador. E agradeço desde já a prova maior que sei que um dia
verá na ressurreição. Em nome de Jesus eu oro. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/1004.html
Não precisaria acrescentar mais nada à esta declaração de amor ao Rei dos reis, mas é imperativo dizer: Grande é o Senhor e maravilhosa é a sua sabedoria e generosidade em compartilhar com os homens delícias da sua excelente Palavra. Para o bom entendedor, um pingo é todo o contexto.

sábado, 2 de outubro de 2010

Palavras que edificam

“Mas eu lhes digo que, no dia do juízo, os homens haverão de dar
conta de toda palavra inútil que tiverem falado”.
 Mateus 12:36


Deus julgará não só as grandes transgressões e pecados óbvios.
Ele julgará até palavras impensadas. O adjetivo traduzido “inútil”
aqui aparece ainda em outro pronunciamento de Jesus como
“desocupado” (Mt 20:3,6), e em Paulo como “ocioso” (1 Tm 5:13).
Quantas vezes, por não pensarmos bem, falamos algo mau? Quantas
vezes revelamos pela boca, o quão vazios estão nosso pensamentos?
Jesus alerta que teremos que responder até pelas nossas palavras
impensadas.

 A conversa “jogada fora” um dia voltará e teremos que
prestar contas dela. Quantas palavras impensadas afastaram pessoas
do Caminho da Vida? Quantos comentários maliciosos destruíram num
momento algo que levou Deus anos para edificar? Quantas vezes uma
resposta áspera fechou uma porta que Jesus esperava há anos que
abrisse? Vamos refletir antes de falar. Vamos buscar aquilo que irá
edificar e encorajar. Ou, ao invés de falar, vamos agraciar aqueles
ao nosso redor com a bênção do nosso silêncio e atenção. Quem sabe,
iremos descobrir nos outros algo mais edificante do que aquilo que
há em nós.

Desta forma, todos serão abençoados aqui e mais ainda no
dia do juízo. Que as contas que você for prestar naquele dia
daquilo que você falou sejam de quantas pessoas ouviram falar de
Jesus em conversas com você. Uma sugestão simples e prática:
imprima ou anote versículos que lhe edificaram ou pequenas
reflexões que lhe encorajaram. Sempre que precisar de algo para
comentar, você já terá garantido palavras que vão edificar. Que
Deus lhe faça uma fonte de bênçãos para todos ao seu redor.

ORAÇÃO:
Santo Deus, perdoe-me por tantas vezes ter falado algo que não
precisava ser dito e que não edificou ninguém. Eu quero encontrar
dentro de mim e compartilhar com meus irmãos só aquilo que vai
edificá-los e encorajá-los. Obrigado pelo Espírito Santo que habita
em mim e que já está me ajudando por meio dessas palavras de Jesus
a melhorar nesta área. Em nome de Jesus eu oro. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/1002.html

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Bom tesouro

“O homem bom do seu bom tesouro tira coisas boas, e o homem mau
do seu mau tesouro tira coisas más”.
-- Mateus 12:35


Jesus já ensinou aos discípulos que onde estiver o tesouro de um
homem, seu coração se inclinará também (Mt 6:21). Se entesouramos
Jesus e a vontade de Deus em nossos corações, de lá tiraremos
coisas boas para compartilhar com todos ao nosso redor. Mas, se o
que meditamos e planejamos, se o que guardamos em nossos corações
são nossos próprios desejos, de lá só podem sair coisas mesquinhas
e egoístas que não edificarão ninguém - nem a nós mesmos. O que
vivemos começa no coração. O que falamos começa na mente. Há uma
raiz para tudo que vivemos. Foi por isso que Jesus dedicou as
primeiras declarações do Sermão do Monte àquilo que acontece dentro
de nós: atitudes, inclinações e propósitos. Não é apenas que o
homem faz coisas más. Jesus fala do "homem mau". Ele é mau porque
nasceu assim? Não. Ele se torna mau porque aquilo que ele valoriza,
procura e guarda o contaminam e o inclinam para a maldade. Que
possamos aprender a começar a mudança no coração, de dentro para
fora. É por isso que precisamos tanto de Jesus dentro de nós. É por
isso que precisamos ficar cheios do Espírito. Só Deus pode nos
transformar lá. Ele pode, quer e vai. Basta você pedir. O que é que
você está entesourando em seu coração?

ORAÇÃO:
Pai maravilhoso, é incrível que o Senhor conhece intimamente
tudo sobre cada um de nós. O Senhor viu cada pensamento, ouviu cada
murmuração, e mesmo assim, dá-nos a chance de começar de novo – de
novo! Dê-nos, Senhor, a força que precisamos para realmente mudar,
começando em nossos corações e só terminando com vidas
transformadas na imagem de Jesus. Em nome de Jesus eu oro. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/1001.html

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Cirurgia do coração

“Considerem: Uma árvore boa dá fruto bom, e uma árvore ruim dá
fruto ruim, pois uma árvore é conhecida por seu fruto”.
-- Mateus 12:33

PENSAMENTO:
Dizem que certo cirurgião plástico operou um traficante notório.
O cirurgião mudou o nariz, tirou cicatrizes e até alterou as
impressões digitais do criminoso. Poucos anos depois, o traficante
foi preso de novo e condenado a 30 anos de cadeia. O cirurgião
conseguiu mudar o rosto e outras partes do corpo, mas não conseguiu
mudar o coração. Por um tempo o criminoso se livrou da polícia, mas
não conseguiu se livrar de si mesmo. Os fariseus tinham toda a
forma externa de homens de Deus. Entretanto blasfemaram o Filho de
Deus quando realizou milagres incontestáveis diante deles. Como?
Porque era do seu feitio. Nenhuma cirurgia ou transplante mudará a
nossa natureza. Você pode seguir a forma, se encaixar no padrão e
se vestir conforme o figurino. Nada disso mudará seu coração. Só
Deus pode fazer isso, e ele só faz por meio de Jesus. Quando Jesus
operar em seu coração, a verdadeira mudança começará - de dentro
para fora. O crucial não é sua aparência, mas o seu íntimo. As
cicatrizes do passado podem até permanecer por um tempo, porém
quando Jesus lhe transformar, o fruto será visível e notório. Você
nunca será o mesmo. E a liberdade que Jesus traz do seu passado e
da sua velha natureza - é para sempre.

ORAÇÃO:
Pai amado, torne-me uma árvore boa com fruto bom. Que minhas
palavras e ações possam ser usadas pelo Senhor para semear vida,
não somente para mim, mas para as outras pessoas que o Senhor
colocar no meu caminho. Que Jesus possa ser mais visível e mais
real porque outros O viram em mim. No nome e para a glória de Jesus
eu oro. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/0929.html

sábado, 25 de setembro de 2010

O que ainda não foi entregue a Jesus?



“Ou, como alguém pode entrar na casa do homem forte e levar dali
seus bens, sem antes amarrá-lo? Só então poderá roubar a casa
dele”.
-- Mateus 12:29


Nós enfrentamos um adversário poderoso e impiedoso. Na figura
que Jesus empregou, Satanás é o "homem forte". E não é por menos.
Nunca subestime nosso adversário. Se Jesus o retratou como forte,
imagine o que ele é para nós. Os piores carrascos da história
humana, junto com seus exércitos, eram apenas os servos de Satanás.
Mas, graças a Deus, ele nos deu um Senhor vitorioso contra todas as
armas do inimigo. Mas, para Jesus vencer o inimigo em nossas vidas,
nós temos que entregar o território todo a ele. Não dá para ficar
separando e guardando partes das nossas vidas. 'Este aqui é meu
emprego, Jesus, não dá para o Senhor mandar aqui'. 'Este é meu
dinheiro, isso aqui é meu namoro, esta é minha carreira – não toque
nessas coisas, por favor'. Na vida de muitos, a única coisa sobre a
qual Jesus reina é algumas horas no domingo, e olhe lá que nem é
todo domingo! Quer amarrar o inimigo em sua vida? Não precisa de
sessão de descarrego, botar nó em meia ou rezar com paninho
"consagrado". É só deixar Jesus ser Senhor em sua vida. Chame-O
para orientar suas decisões, planos e valores. Convide-O a lhe
aconselhar através de uma conversa entre a Palavra e a oração.
Busque o Reino em primeiro lugar (6:33). Jesus é mais forte que
Satanás, mas você só O verá dando vitórias em sua vida quando você
permitir que Ele lute por você. Tem algo que ainda não entregou a
Jesus? Não tem hora melhor que agora mesmo para começar. A ligação?
É de graça. Pode chamá-Lo agora.

ORAÇÃO:
Senhor vitorioso, é somente pelo poder de Jesus que somos
realmente libertos da escravidão do pecado e da sentença da morte
que nosso egoísmo e ignorância merecem. Pedimos que o Senhor nos
ajude agora mesmo a entregar a Jesus qualquer área das nossas vidas
na qual ele ainda não reina. E se não estamos vendo estas áreas,
que o Senhor abra nossos olhos. Graças a Jesus nós temos a certeza
da vitória que um dia será nossa também. Em nome de Jesus oramos e
agradecemos. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/0925.html

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Dá-nos a Tua visão!


“Mas se é pelo Espírito de Deus que eu expulso demônios, então
chegou a vocês o Reino de Deus”.
-- Mateus 12:28

Das duas, uma: ou Jesus expulsava demônios por Belzebu, como
acusavam os fariseus, ou ele fazia pelo poder de Deus, que seria o
Espírito Santo. A volta do Espírito Santo a Israel era um dos
sinais da vinda do Messias, e com ele a chegada do Reino (Isaías
42:1; 61:1-2; Joel 2:28). Jesus não estava preocupado em defender
sua cura do endemoninhado, e sim em declarar o seu significado. Se
Jesus curava e pregava no poder do Espírito, então o Reino havia
chegado. Isso era realmente grande notícia e significava que ele
também era o Messias.

 É importante ver como Deus revelou isso.Barclay observou que o sinal apontado por Jesus da vinda do Reinonão foi templos cheios ou grandes campanhas de reavivamento, mas,
Deus atuando entre os homens para libertá-los. Isso pode ocorrer
com sinais e prodígios. Mas, Jesus lembrou que também ocorre com a
simples pregação do Evangelho (11:5).

Quando homens e mulheres são libertos de vícios, de idolatria, de cegueira espiritual, em fim,
do pecado que os mantém cativos por Satanás, o Reino é chegado -
hoje entre nós. O importante não são os sinais e prodígios, mas, a
presença de Deus entre nós e a restauração do nosso relacionamento
com ele (veja Lc 10:17-20).

 O Reino de Deus não é um conto de fadasreservado só para o porvir - é uma realidade que podemos
experimentar hoje, aqui e agora. Não precisamos de sinais emilagres, basta deixar Jesus reinar em nossa vida. Você deixa?

Tem  alguma área da você ainda não permitiu que Ele lhe liberte?
Entregue a ele hoje. Há um Reino à sua espera.

ORAÇÃO:
Nosso Deus, todo poderoso, seu Reino é ainda futuro, mas, já
entrou no presente. Aguardamo-lo na sua plenitude na volta de
Jesus. Mas, vislumbramo-lo na transformação que o Senhor opera em
nossas vidas hoje. Ajude a todos que estão lendo e orando estas
palavras agora a conhecerem a liberdade que Jesus traz e a verem o
Reino que os espera. Que possamos ver aonde e quando o Senhor está
avançando no seu reinado, dar a glória a Jesus e aguardar a sua
vinda em glória com esperança e paz. Em nome de Jesus oramos. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/0924.html

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

A verdadeira ameaça

Depois disso, levaram-lhe um endemoninhado que era cego e mudo, e Jesus o curou, de modo que ele pôde falar e ver. Todo o povo ficou atônito e disse: “Não será este o Filho de Davi?” Mas quando os fariseus ouviram isso, disseram: “É somente por Belzebu, o príncipe dos demônios, que ele expulsa demônios”. Jesus, conhecendo os seus pensamentos, disse-lhes:
“Todo reino dividido contra si mesmo será arruinado, e toda cidade ou casa dividida contra si
mesma não subsistirá. Se Satanás expulsa Satanás, está dividido contra si mesmo. Como, então, subsistirá seu reino”?
-- Mateus 12:22-26


Os fariseus reagiram quando o povo começou a elogiar Jesus.
 A preocupação deles não era com as necessidades do povo, mas em
preservar sua posição e poder. Contra a acusação de que Jesus
estava curando pelo poder do diabo (Belzebu), Jesus deu o primeiro
de três argumentos para desmascarar a falsidade dos líderes
religiosos. A lógica é simples – Satanás quer nos destruir.
 A doença é uma arma dele. Para que Satanás curaria uma doença? Ele
estaria lutando contra si mesmo. É pura contradição argumentar que
Jesus “cura” pelo poder daquele que é responsável pela doença. É um
contra-senso óbvio. É difícil compreender como alguém poderia
raciocinar assim.

No entanto, ainda hoje há pessoas que não só pensam, mas agem dessa forma. Para “proteger” a igreja, elas atacam outros irmãos, fazem acusações infundadas, ou disseminam rumores.
Se você se preocupa com um irmão de quem você desconfia, converse primeiro com ele para ver se sua preocupação procede. Depois, se necessário, envolva outros irmãos maduros e experientes. Ore sempre
para que Deus lhe dê discernimento e sabedoria em como proceder. E esteja sempre preparado para a possibilidade daquele irmão estar servindo o Senhor. Se atacamos irmãos e atrapalhamos seu
ministério, quem pode estar trabalhando para Satanás somos nós.

Que Deus nos oriente e nos ilumine para que, em tudo estejamos
contribuindo para a edificação do verdadeiro Reino e servindo
somente a Jesus.

ORAÇÃO:
Pai todo poderoso, proteja-nos contra os desejos e cobiças que
militam dentro de nós. Ajude-nos a enxergar o que realmente
importa, e a única coisa que levará a igreja do Senhor adiante –
levantar Jesus e permitir que as pessoas O vejam em nós e em outros
ao nosso redor. Em nome e por amor a Jesus, nós oramos e
agradecemos. Amém.

http://www.hermeneutica.com/jd/1/0922.html

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

A vida por um ângulo mais profundo



Palavras, frases, parágrafos, textos inteiros podem ser muito significantes ou completamente sem sentido, depende de quem o lê. Não adiantaria falar a um simplório pescador de maneira erudita, e quantos pescadores existem no mundo. Como as pessoas vivem mais de aparência do que de essência, de fato, as aparências enganam e muito. Aos pescadores usar metáforas de mar e tarrafas, aos eruditos citar Camões e Drummond.

A arte da conversa está em escutar. Ao escutar o outro temos uma parcial noção do seu mundo, digo parcial porque o outro é um mundo inteiro e ainda que vivêssemos 1000 anos não conheceríamos o mundo inteiro. A partir daí poderemos traçar um nível de conversa que nos faça inteligível ao outro. A partir do nosso conhecimento de mundo precisamos procurar entender o que vai à cabeça do outro, como o outro nos entende, como funciona seu pensamento em relação à vida...

É óbvio que em muitas vezes o nosso egoísmo ou egocentrismo fala mais alto e queremos mostras às pessoas o quanto entendemos disto ou daquilo, e como não estamos nem um pouco preocupados se estão nos entendendo ou não. Queremos falar e fazer valer a nossa opinião. Mas o fato é que se não nos fizermos entender ao nosso interlocutor, de nada adianta tanto conhecimento e tantos arroubos culturais.

Parafraseando o apóstolo Paulo, prefiro dizer cinco palavras inteligíveis a fazer um discurso que não acrescenta nada a quem ouve e, especialmente, a quem não ouve como gostaríamos que ouvisse. É bem complexo. Como alcançar a maioria? Como falar de uma maneira que a maioria entenda ? A vida, como exemplo, fala mais do que palavras. Como alguém disse: “Palavras são anões, exemplos são gigantes”.

Ás vezes acho certa vantagem em não se entender muito bem as coisas, se sofre menos. Todos, de certa forma, precisamos fazer “ouvidos de mercador” em algumas situações, para evitar o conflito, evitar o choque.

De qualquer maneira continuo encantada com a comunicação bem feita, bem redigida e principalmente bem entendida. Acaricia meus ouvidos não apenas o que quero ouvir mas o que faz bem pra minha alma e percebo que foi absorvido pela maioria. O que quero de bom para mim, quero de bom para o próximo e como ficar feliz se ouço tantas retóricas, que nada mais é do que a arte de falar muito e não dizer nada? Existe na política, existe na vida.

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Você não viu o sinal vermelho?


"Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará."
                              Gálatas 6:7

Era um belo dia de sol e finalmente chegou o final de semana. Planos e mais planos passavam na cabeça de Richard, assim como as paisagens passavam rapidamente pela janela do carro. Pensou ele: finalmente meu pai tem um tempo para mim. Como Richard estava feliz!

Mas algo estava errado, seu pai corria muito, quando de repente, Richard viu que seu Pai estava correndo acima da velocidade permitida da via. Viu também seu pai passar por alguns sinais vermelhos. Não entendendo o que significava toda aquela pressa, fala para o pai: Pai? Você não viu o sinal vermelho? E o pai respondeu: sim filho eu vi. Todos os motoristas fazem assim quando estão com pressa. E continuou a dirigir sem se importar.

Mas pai - retrucou o garoto - isto não é errado? Isto o quê? Perguntou o pai. Respondeu Richard: Desde que o Sr. saiu de nossa casa, o Sr. passou em dois sinais vermelhos, corre acima da velocidade permitida ,isso não vai dar encrenca depois? Claro que não! Quero chegar logo ao nosso destino, isso é o que importa, depois se houver algum problema eu pago. O dinheiro pode pagar tudo, filho. Sorria, não era isso que você almejava? Um final de semana com o seu pai? Richard riu sem graça, torcendo logo para chegar ao seu destino.

Que exemplo feio o pai de Richard deu hem? Sem contar as conseqüências. Depois como o pai de Richard poderia cobrar alguma posição errada de seu filho, se o mesmo descumprisse alguma norma ou lei do homem?

Queridos, somos cercados de Leis, lei pra isso, lei pra aquilo, até existe um conjunto de leis que rege todo um País, chamada Constituição. Muitas são as regras e normativas criadas para que o homem tenha um limite em suas atitudes. Embora estas leis existam e todos saibam das conseqüências, caso descumpra algum ponto, quase sempre vemos quebras destas leis. Seja no trânsito ou em qualquer outra situação, estas leis foram constituídas para serem observadas, mas se for quebrado qualquer ponto da lei, também devemos estar ciente das conseqüências.

O homem perdeu totalmente a noção do que pode e do que não pode, nos dias de hoje o certo é errado e o errado é certo. Eles fazem o que é errado, apenas com a justificativa que não está fazendo sozinho, pois todos fazem, e por isso também faz. Ainda diz: hoje eu não ligo muito para o que representa minha desobediência. Alguns contam até vantagens, dizendo: Quando chegar a multa eu pago. Basta pagar e tudo estará resolvido.

Devemos estar cientes das conseqüências de que, cada um de nós colherá, individualmente, aquilo que plantamos e temos a total consciência que daremos conta dos nossos atos. Aos Gálatas 6:7.

No plano espiritual funciona da mesma forma, temos uma Lei, e uma ordenança, varias placas estão diante de nós. Não roube, não mate, não adultere, não use o nome do teu Deus em vão, não adore imagens, Honra teu pai e tua mãe. No nosso dia a dia, estas placas de observações, passam por nós, e não adianta fingirmos que não estamos vendo. Um dia a multa vai chegar, e não fique bravo com quem te multou, não coloque a culpa na sinalização. Assim como temia o Richard, a multa chegou em sua casa, e não foi apenas uma, mas várias. Simplesmente o pai de Richard não tinha o que fazer, se não pagar.

Muitos ignoram o Evangelho do Senhor, zombam e fazem chacota da palavra de Deus, pensando eles que ficarão imunes a estes erros. A bíblia diz que aquilo que o homem plantar isto ele colherá.

Hoje somos convidados a plantar uma boa semente nos nossos atos, para que no mundo vindouro podermos colher o melhor de Deus para nossas vidas.

Assim como o pai do Richard, existem muitos que dizem: todos fazem, então eu faço também.

Meu querido a responsabilidade é pessoal, a salvação é pessoal, até a multa é pessoal. Só você vai pagar pelos seus atos, pense nisto todas as vezes que você pensar em avançar um sinal vermelho.

Graça e Paz.

Convido a você a conhecer o nosso Blog. Ficaremos felizes por vossa visita mais ainda se nos seguir-nos.



Josiel Dias

Mensagem Edificante para Alma

http://josiel-dias.blogspot.com/

Sabedoria on line

"Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado;

Todavia eu me alegrarei no SENHOR; exultarei no Deus da minha salvação.

O SENHOR Deus é a minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas".

Habacuque 3: 17-19

Meus amados

Seguidores de Jesus Cristo

Arquivo do blog

Vale a pena ler

  • Administração de Marketing - Philip Kotler
  • As crianças aprendem o que vivenciam - Ed. Sextante
  • Carão com carinho - Luiz Schettini Filho
  • Casamento com intimidade - R. C. Sproul
  • Como livrar os jovens das paixões sexuais - Josh McDowell
  • Feridas Satânicas - Carrol Thompson
  • Livre-se dos corvos - Luis Marins
  • Lições de vencedor - Silas Malafaia
  • Maravilhosa graça - Phillip Yancey
  • Marketing para o século XXI - Philip Kotler
  • O corpo fala - Pierre Weil e Roland Tompakow
  • O monge e o executivo
  • O peregrino - John Bunyan
  • O poder dos pais que oram - Stormie Omartian
  • Pais brilhantes, professores fascinantes
  • Uma mulher segudo o coração de Deus - Elizabeth George

Vale a pena assistir



  • A festa de Babette - drama
  • A paixão de Cristo - de Mel Gibson
  • A vida é bela - de Roberto Benigni
  • A virada - cristão
  • Alvin e os esquilos II e III - Comédia
  • Antes de partir - comédia -Jack Nicholson e Morgan Freeman
  • Bee Movie - infantil
  • Chocolate (Juliette Binoche)
  • Conquista de reis - épico
  • Conversando com Deus - Reflexão
  • Deixados para trás I, II e III - cristão
  • Desafiando gigantes - cristão
  • Diário de uma paixão - romance
  • Enterrem meu coração na beira do rio - Drama (indígena)
  • Homens de honra - Drama
  • Kung Fu Panda - Comédia
  • Licença para casar - comédia
  • Marley e eu - Comédia
  • Meu nome não é Johnny - drama
  • Mãos talentosas - Cuba Gooding Jr.
  • O conde de Monte Cristo - drama
  • O fazendeiro e Deus
  • O ilusionista - romance
  • O livrro de Eli
  • O nome da rosa - drama
  • O Pastor - drama
  • O peregrino - Uma jornada para o céu
  • Ponte para Terabítia - aventura
  • Ponto de decisão - Drama
  • Prova de Fogo - cristão
  • Quem quer ser um milionário?
  • Sangue negro - drama
  • Simplesmente irresistível - romance
  • Um amor para recordar - drama/romance
  • À procura da felicidade - drama (Will Smith)

Gospel Books

Gospel Books
Conhecer e prosseguir em conhecer

Minha lista de blogs

Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura...Mc16.15

Total de visualizações de página