sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Como faziam os bereanos

 A difamação de evangélicos no Brasil e no mundo não é nenhuma novidade.Há motivos para tal. Explica-se, mas não se justifica tantos desvarios de homens que se intitulam“pastores”, “bispos”, “apóstolos”,“ungidos”,“profetas”, “semideus”,
“braço direito” (que, a princípio, já está muito bem ocupado, com toda honra e todo mérito por JESUS). 

Os nomes“evangélicos”,“cristãos”,“crentes”, “bíblias” já estão tão desgastados que a imagem que vem à mente quando se ouve estes termos são as mais variadas.

Assim como um homem é honrado pela prática legal e excelente de sua profissão e isso o denomina “Doutor”, “Professor”, “Engenheiro”, “Juiz”, etc., os cristãos, assim como foram chamados pela PRIMEIRA VEZ em Antioquia, receberam este nome por serem IMITADORES de Cristo e, por conseguinte dos apóstolos, que ensinavam os princípios da fé em Deus e em todo o plano de salvação do homem. Isto os denominou “CRISTÃOS”. Não é o nome ou o diploma que habilita a pessoa a ser o que é, e sim a prática sincera e habilidosa que o honra e o classifica.

Meu “pai-drasto” (devido à tamanha afinidade) foi alguém assim. Era formado em Veterinária de alimentos, pela UFFRJ, não tinha doutorado, porém, pelo profundo conhecimento, interesse em tudo que dizia respeito à sua formação e à prática de sua profissão, era como se tivesse.

Num filme veiculado há poucos dias na televisão, que foi originado de uma série de TV, havia um “pastor” com “mestrado em falcatruas” e uma “evangélica” crédula e ingênua que cria em tudo que ele dizia e planejava. Se a intenção era zombar dos “evangélicos”, o tiro saiu pela culatra. Na verdade é um alerta sobre os falsos pastores e sobre a credulidade cega em homens que não tem escrúpulos e aproveitam-se de pessoas que buscam a Deus, deparam com estes lobos famintos no caminho e, por falta de instrução na Palavra, por preguiça de buscar, são facilmente engodadas e presas em suas artimanhas.

São as pessoas que querem tudo fácil, tanto o “pastor – falsário” quanto a “crente-amém-pra-tudo”. Querem tudo mastigado e sem sacrifício, pensando assim estar enganando ou agradando a Deus.“Meu povo peca por não conhecer as escrituras” dito por Deus, e mais tarde foi dito por Jesus em Mateus 22.29: “Errais, não compreendendo as Escrituras nem o poder de Deus”.

A Bíblia é um conjunto de livros escritos por homens inspirados pelo Espírito Santo, homens que relatavam os acontecimentos da época e eram guiados pelo Espírito Santo, trabalhando assim, em conjunto, em épocas distintas, criando uma coerência nunca antes vista em outros escritos. Quem quiser entrar mais aprofundadamente neste assunto pode acessar alguns sites existentes:




A Bíblia não esconde nada e nem acoberta o erro. Ela expõe nua e cruamente os desatinos dos seres humanos, suas dívidas e angústias, seus arrependimentos e acertos. A verdade contida nas Escrituras é imutável, passe os céus e a terra, mas a Palavra de Deus permanece, queira o homem ou não, aceite ou não e isso é constatado pelas profecias cumpridas, pelas que ainda estão por se cumprir e, principalmente, a mais importante da história da humanidade, o nascimento, morte e ressurreição de Cristo, revelado muitos séculos antes de acontecer.

“Passará o céu e a terra, porém as minhas palavras não passarão.” Mateus 24.35

Os que cometem tais atrocidades com a Palavra o estão fazendo para sua própria condenação e não ficarão impunes. Não nos cabe julgá-los, eles já estão em julgamento pelo próprio dono da Palavra. Compete a nós buscarmos a verdade, que não está longe lá no céu e sim bem próxima de nós. “E conhecereis a verdade e a verdade vos libertará! (João 8.32)

Este filme na verdade mostra tão somente o que de fato acontece nos dias atuais: muitos lobos se passando por ovelhas e isso já estava escrito há séculos. Na verdade é um alerta para os incautos, que acreditam em tudo que os homens dizem. Um simples conselho:

Observem o que está escrito, se está de acordo com o que é ensinado, como faziam os crentes em Beréia. Peça ajuda a Deus para abrir seu entendimento e leia com vontade de entender. A Palavra de Deus deve ser levada a sério, mesmo quando brincamos, mesmo quando estamos em lazer, mesmo quando estamos em meio a amigos e parentes. Ela é lâmpada para os nossos pés e luz para o nosso caminho. Em dias trevosos, onde encontraremos tamanha luz?

Na paz do Cordeiro!

PORQUE A PALAVRA DE DEUS É VIVA E, EFICAZ, E MAIS PENETRANTE DO QUE QUALQUER ESPADA DE DOIS GUMES, E PENETRA ATÉ À DIVISÃO DA ALMA, E DO ESPÍRITO, E DAS JUNTAS E MEDULAS, E É APTA PARA DISCERNIR OS PENSAMENTOS E INTENÇÕES DO CORAÇÃO.
Hebreus 4. 12

terça-feira, 23 de novembro de 2010

A Maravilhosa Graça e a Festa de Babette

Marco Alcantara


Na desolada costa da Dinamarca vivem Martina e Philippa, as belas filhas de um devoto pastor protestante que prega a salvação através da renúncia. As irmãs sacrificam suas paixões da juventude em nome da fé e das obrigações, e mesmo muitos anos depois da morte do pai, elas mantêm vivos seus ensinamentos entre os habitantes da cidade. Babette refugia-se da guerra que assombra a França, na casa das recatadas solteironas Martina e Philippa filhas do então falecido pastor e mentor do lugarejo.

Aos poucos, seus dotes culinários invadem a alimentação insípida que se caracteriza na rotina dos habitantes, até que um fato inesperado lhe propicia oferecer um jantar, que sutilmente vai conquistando o paladar dos convidados.

A Festa de Babette é o desabrochar da alma, na descoberta do prazer sem culpa. Sua festa, é claro, escandaliza os mais velhos do lugar. Quem é esta surpreendentemente talentosa Babette, que tem apavorado os moradores desta devota cidade com a perspectiva deles perderem suas almas por deleitarem-se com prazeres terrenos?

Babette estava em um lugar onde se via pecado em tudo onde a graça se tornou desgraça pelo fato de não haver mais gosto pela vida.

A vida naquele lugar agora era só uma pena, um martírio passageiro para um plano maior; o céu. Os rostos eram rígidos as passadas pesadas, rancor entre pessoas e brigas que não eram declaradas e assim também não eram perdoadas. Por que a ofensa que não foi revelada também não pode ser perdoada.

Mas Babette, que quando criava seus pratos fora comparada a uma bruxa, e realmente fez algo inusitado, trouxe o melhor vinho transformando rostos enrugados em rostos sorridentes, no jantar também havia sopa de tartaruga que trouxe calor e paixão a todos da mesa.

Nesse instante pessoas se regalavam e pedidos de desculpa foram feitos o auge da festa foi a alegria de poder saborear a vida.

Uma vida saborosa que agora seria degustada sem traumas, pressões ou neuras. Os prazeres simples da vida não iriam mais ser negados, o prazer de comer bem de beber bem na companhia de seus melhores amigos. Não haveria mais a burocracia do perdão e muito menos a inércia do amor, por que todos compartilhavam do mesmo momento de prazer.

Prazer que não pode ser deixado de lado como o prazer de estar e beber entre amigos, comer e contar a sua vida de forma simples e compartilhar da sua vida em detalhes de forma aberta na clareza da informalidade.

Assim Babette mostra que a graça esta nas pequenas coisas, que a graça não é monopólio de um culto, uma religião ou somente um grupo de pessoas destinadas a viver com graça.

A graça acontece em uma mesa de jantar entre pessoas que só querem ser pessoas e não autômatos programados para negar o dom da vida.

A graça é encontra na piada da mesa de jantar, também se encontra graça no pão da mesa em cada dia que não falta, encontra-se graça no abraço do amigo, encontra-se graça agora aqui e em todo lugar pode-se encontrar graça.

A graça não pode ser domada e podemos entender que ter graça não significa de fato ser mais amado por Deus.

"Afinal não há nada no mundo que possamos fazer para que Deus nos ame mais e também não há nada que se faça na vida para que Deus nos ame menos."

Havia graça no jantar de uma mulher que não foi desgraçada pelas normas e apelos em não agraciar-se com a vida.



Em Lion de Zion e Genizah

Leia Mais em: http://www.genizahvirtual.com/2010/11/maravilhosa-graca-e-festa-de-babette.html#ixzz1662RdEGv

Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial Share Alike

Sabedoria on line

"Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado;

Todavia eu me alegrarei no SENHOR; exultarei no Deus da minha salvação.

O SENHOR Deus é a minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas".

Habacuque 3: 17-19

Meus amados

Seguidores de Jesus Cristo

Arquivo do blog

Vale a pena ler

  • Administração de Marketing - Philip Kotler
  • As crianças aprendem o que vivenciam - Ed. Sextante
  • Carão com carinho - Luiz Schettini Filho
  • Casamento com intimidade - R. C. Sproul
  • Como livrar os jovens das paixões sexuais - Josh McDowell
  • Feridas Satânicas - Carrol Thompson
  • Livre-se dos corvos - Luis Marins
  • Lições de vencedor - Silas Malafaia
  • Maravilhosa graça - Phillip Yancey
  • Marketing para o século XXI - Philip Kotler
  • O corpo fala - Pierre Weil e Roland Tompakow
  • O monge e o executivo
  • O peregrino - John Bunyan
  • O poder dos pais que oram - Stormie Omartian
  • Pais brilhantes, professores fascinantes
  • Uma mulher segudo o coração de Deus - Elizabeth George

Vale a pena assistir



  • A festa de Babette - drama
  • A paixão de Cristo - de Mel Gibson
  • A vida é bela - de Roberto Benigni
  • A virada - cristão
  • Alvin e os esquilos II e III - Comédia
  • Antes de partir - comédia -Jack Nicholson e Morgan Freeman
  • Bee Movie - infantil
  • Chocolate (Juliette Binoche)
  • Conquista de reis - épico
  • Conversando com Deus - Reflexão
  • Deixados para trás I, II e III - cristão
  • Desafiando gigantes - cristão
  • Diário de uma paixão - romance
  • Enterrem meu coração na beira do rio - Drama (indígena)
  • Homens de honra - Drama
  • Kung Fu Panda - Comédia
  • Licença para casar - comédia
  • Marley e eu - Comédia
  • Meu nome não é Johnny - drama
  • Mãos talentosas - Cuba Gooding Jr.
  • O conde de Monte Cristo - drama
  • O fazendeiro e Deus
  • O ilusionista - romance
  • O livrro de Eli
  • O nome da rosa - drama
  • O Pastor - drama
  • O peregrino - Uma jornada para o céu
  • Ponte para Terabítia - aventura
  • Ponto de decisão - Drama
  • Prova de Fogo - cristão
  • Quem quer ser um milionário?
  • Sangue negro - drama
  • Simplesmente irresistível - romance
  • Um amor para recordar - drama/romance
  • À procura da felicidade - drama (Will Smith)

Gospel Books

Gospel Books
Conhecer e prosseguir em conhecer

Minha lista de blogs

Ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda criatura...Mc16.15

Total de visualizações de página